História

HISTÓRIA

DSC_0025

O BIOIMPACT (Laboratório de Estudos de Impactos Antrópicos na Biodiversidade Marinha e Estuarina) nasceu da transferência dos professores Flávia Lucena Frédou e Thierry Frédou do Departamento de Oceanografia da UFPA (Universidade Federal do Pará) ao Departamento de Pesca e Aquicultura (DEPAq) da UFRPE (Universidade Federal Rural de Pernambuco) em 2010.

No início, o BIOIMPACT não tinha “sede própria”, nem equipamentos e suas atividades aconteciam ainda bem discretas em um espaço pequeno cedido por outro professor do  Departamento. Com experiência nas áreas de recursos pesqueiros e ecologia marinha, os professores logo foram agraciados com o primeiro projeto financiando pela FACEPE (Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco) sobre a pesca e manejo de Camarões no estado de Pernambuco. Com este projeto, o laboratório começa a se equipar, parceiros e poucos alunos então, se juntam ao desafio de construir um laboratório voltado ao mar.

Ao longo dos anos, o laboratório contribuiu para formação de mais de 50 alunos e vários projetos e parcerias nacionais e internacionais foram se juntando a nós. Hoje temos  uma sede bem equipada, com 100 m2 e 22 integrantes, entre alunos dos diversos níveis: técnicos, PhDs e professores. Com a ajuda de vários colegas dos mais diversos temas, hoje nossa área de atuação compreende, além da pesca, manejo de recursos pesqueiros, estudos sobre poluição de várias fontes, biodiversidade do estuário ao mar profundo, e temas diversos da ecologia marinha.

O laboratório participa de mais de 10 projetos com financiamento nacional e internacional e conta com parceria especial com o IRD (Institut de Recherche pour le développemnet) na França, onde vários alunos paralelamente desenvolvem seus estudos.

Nossa missão principal é formar profissionais éticos que desenvolvam uma visão multidisciplinar capaz de contribuir para a defesa dos oceanos e da pesca sustentável.

Finalmente, mas não menos importante, não perdemos de vista o sentimento de que somos mais que um laboratório, somos uma família, que trabalha pelo coletivo e sentimento de equipe!

Ahhhh! Somos o Laboratório das festas e cafés da manhã porque estamos sempre com fome.